LETRAS . TRADUÇÕES . REVISTAS

       
 

Se inscreva para receber novidades

* indicates required

Powered by MailChimp

Textual description of firstImageUrl

[Review] AI - my name's AI

my name's AI

"my name is AI" foi o primeiro álbum da cantora AI e o única pela gravadora BMG. Alcançou a #86 na Oricon e ficou nos charts por apenas uma semana.

my name is AI
2001.11.02
BVCR-11034

Tracklist:
01. Born to sing (Introduction)
02. INORI (PRAYER)
03. TRIANGLE
04. U Can Do
05. Shining Star (R&B Version)
06. PROTECT YOU
07. Memory
08. Depend On Me
09. Thank you lord (Interlude)
10. SHOUT OUT feat. Diggy-MO' (SOUL'd OUT)
11. Why U Trippin?
12. I WISH
13. HOLD ON
14. Cry, just Cry
15. SHOW OFF!!
16. LOVE (Interlude)
17. My Destiny

Review:

Esse primeiro álbum, de maneira geral é bastante calminho, com bastante influência do R&B.

A primeira faixa é bastante estranha, pois fala do nascimento, tem choro de bebê e tal... realmente é só uma faixa introdutória. 
INORI é a minha favorita, gosto bastante, é calma, porém não é enjoada, da para escutar bastante. 
TRIANGLE é calma, mas tem umas batidas no fundo, não fazendo com que seja exatamente uma balada, o refrão é bastante agradável.
PROTECT YOU é calma, mas é ótima, da vontade de cantar junto. Uma das melhores do álbum.
Memory e Depend on me são baladas genéricas, bonitinhas, mas sem grandes atrativos.
Thank you lord é uma interlude calminha.
SHOUT OUT tem a participação de rappers e leva o álbum para um clima diferente, a música tem bastante influência da urban music e é mais sombria, muito boa.
Então o álbum volta para as baladas com I WISH. É bonita, porém você acha que está entrando em um bloco de músicas mais agitadas, e de repente vem essa música.
Depois temos HOLD ON que tem bastante rap, combina com SHOUT OUT e deveria ter sido a sequência...
SHOW OFF!! é a mais animada do álbum, então ela levanta o astral e da um clima completamente diferente ao CD. A música é totalmente em inglês, que ela domina bem graças ao tempo em que morou nos EUA.
LOVE (Interlude) é uma faixa de agradecimento às pessoas que a ajudaram, mas com um interlude com esse nome, já sabemos o que está por vir, não?
Então que fechamos o álbum com My Destiny, uma faixa bonita, porém... outra balada.

O álbum é mediano, tem baladas demais para uma artista que não tem exatamente esse propósito, ele também não trabalha com muitos ritmos diferentes, a primeira vez em que ouvi não percebi as faixas trocarem. Recomendo mais para quem curte R&B e esteja precisando de um álbum mais calmo.
Share on Google Plus

About Yel Dolly

Fã de Jpop, KPop e Mandopop, cujo desejo sempre foi o de divulgar a música asiática e possibilitar que seus fãs tivessem acesso a traduções.